Pular para o conteúdo principal

Chá de Salsa


 - Droga, ainda tenho pneuzinhos.

- Borracharia.

- O que?

- Ahm, nada, disse que pior que ter pneuzinhos é se tivesse a borracharia inteira.

- Pode ser, mas não gosto dos pneuzinhos. Mas vou dar um jeito nisso logo. Andei lendo no RostoLivro  uma receita que acho que vai me ajudar bastante.

- Outra? Depois do chá de hibisco, da dieta da raspa de noz moscada, da sopa de água, o que mais estão inventando?

- Ah, isso tudo era bobagem. Agora é sério, vou tomar chá de salsa.

- Opa, salsa é um ritmo quente, dançar vai ajudar mesmo!

- Não, boba, chá de salsa, aquela folhinha verde que serve de tempero. Ela é diurética.

- Então você vai mais vezes ao banheiro?

- É.

- Mas você elimina água, apenas.

- Pois é...

- Então, quando isso ajuda a eliminar gordura?

- Eu vi na internet e uma nutricionista assinou o artigo, então tem fundamento!

- Como todas as duzentos e noventa e seis dietas que você tentou até agora, né?

- Pelo menos eu tento, você nem isso!

- Não tento porque não quero ficar sofrendo com tanta dieta. Como quando tenho fome e de tudo, uso calça 42 e isso não é ser gorda.

- Tá, sua alma, sua palma. Mas eu quero ficar magra, gostosa e caber na calça 38 que está me esperando no armário desde minha formatura do Segundo Grau. E vou atacar por várias frentes: Chá de salsa, de hibisco, dia do jejum, caminhada quatro vezes por semana, academia outras três vezes, dia da água, dia das barrinhas de cereal...

- E dia do hospital, dá licença que isto está ME deixando doente! Tchau e passe bem!

Comentários

  1. Um belo diálogo e há tantas e tantas dietas inventadas ou verdadeiras que se formos mesmo atrás de tudo piramos!

    beijos, chica, tudo de bom!

    ResponderExcluir
  2. To tomando chá de hibisco rs...

    bjokas =)

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Devaneie você também!

Postagens mais visitadas deste blog

Resenha: Marcelo, Marmelo, Martelo e outras histórias, de Ruth Rocha

O exemplar que tenho em casa, velhinho mas em bom estado Livro : Marcelo, Marmelo, Martelo e Outras Histórias Autora : Ruth Rocha Ilustrador : Adalberto Cornavaca Edição : 33ª Ano : 1976 Editora Salamandra Ruth Rocha é uma das minhas autoras preferidas, pela sua capacidade de criar histórias infantis que levam à reflexão e de tocar em temas dito espinhosos.  Já falei sobre este assunto em uma resenha de outro livro, O Que Os Olhos Não Vêem , aqui mesmo neste blog. Para quem não está associando o nome à pessoa, ela é autora também de O Reizinho Mandão , Dois idiotas sentados cada qual no seu barril , Sapo Vira Rei Vira Sapo,   entre outros. Neste livro, Ruth Rocha conta três histórias, protagonizadas por crianças que vivem no espaço urbano. São situações do cotidiano,que estas crianças resolvem a seu modo, aprendendo e crescendo com os desafios a elas impostos.    -------------------------------- E m Marcelo, Marmelo, Martelo, história que dá título

1 Imagem, 140 Caracteres #441

 Uma semana se passou e ainda há reflexos da Páscoa no ar...  Tudo bem aí com vocês? Espero que sim! Preparei a postagem mas a internet me passou a perna e agora que dei a volta nela (ahhaha) aqui estamos de novo!  Como já está tarde, arrumei o texto para ficar mais enxuto. Vamos para nossa imagem da semana? Imagem obtida no site Carta Capital Descrição: a imagem mostra um casal de idosos, de costas, caminhando sobre uma passarela de cimento em uma área arborizada . À esquerda vê-se parte de um banco. O homem veste uma camisa azul clara e calças jeans e está de mãos dadas com a mulher, que usa saia marrom e uma blusa de frio branca e meias brancas e longas.  Ambos tem cabelos brancos e curtos.  .................................................................................................. A praça mudou, a cidade ao redor também. Mas você continua aqui ao meu lado. Isso é o que importa no final das contas.  .............................................................................

1 Imagem, 140 Caracteres # 443

Boa noite!!! Passei a semana gripada, o que significa que olhar para uma tela de computador era bem complicado. Tanto que tenho até trabalho atrasado por conta disso. Mas enfim, vamos ao que interessa: a sexta-feira está quase acabando e ainda dá tempo para a nossa blogagem semanal acontecer!  Então, vamos lá? Imagem extraída do DepositPhotos Descrição: um menino branco, de costas.Ele cabelos curtos e loiros. Está usando uma camiseta azul, uma bermuda preta e calçando tênis. Ele está sentado em um ambiente escuro observando um grande  aquário com peixes ornamentais grandes, cor-de-rosa fraco. Me perdi da minha turma... Melhor esperar aqui. Enquanto isso, me acalmo com a sensação de estar no fundo do mar! Bom final de semana!