Pular para o conteúdo principal

Resenha: Desmortos, de Mary C. Müller


Livro: Desmortos
Autora: Mary C. Müller
Páginas: 232
Ano: 2015








Já falei sobre este livro em outra postagem  aqui no blog, mas ainda não havia feito uma resenha decente dele! Foi um dos primeiros livros que li quando comecei a participar do Wattpad,e até hoje vivo relendo.


Desmortos conta a história de Lorena, uma garota que sempre desejou ser invisível e que não gosta do que acontece quando o seu desejo é brevemente atendido: ao ser atropelada e morrer. Aquilo que supostamente seria o fim de sua vida acaba se tornando o começo de uma jornada muito mais complicada do que poderia imaginar: ela se tornou um zumbi e acorda numa gaveta de necrotério.
       
        Contudo, ela não estará sozinha nessa jornada, Lucas, um garoto fantasma melancólico irá guiá-la através desse admirável mundo novo onde os restaurantes possuem um cardápio especial para os sem vida, vampiros gostam de pantufas e uma república abriga aqueles perdidos entre um mundo e o Mais-Além.
       
        Lorena será jogada numa arena no Limbo, obrigada a enfrentar criaturas de todos os planos de existência e ainda encontrar um jeito de fugir. E como se isso não fosse o suficiente ela irá descobrir que existe um pouco de vida após a morte... e isso pode ser inusitado.” (sinopse da obra, escrita pela autora no Wattpad) 


Lorena gostava de se sentir invisível, apesar de seu visual diferente não corresponder a esta vontade. Também isolava-se do mundo com música, o que dá início aos acontecimentos desta história. Por ironia do destino, este desejo de ser invisível para os demais foi atendido da pior forma: um motorista realmente não viu Lorena, que por conta de estar com seus fones de ouvido não percebera o barulho do trânsito. 


A partir daí, o que era para ser o final de uma história passa a ser o início de uma grande aventura. Lorena está morta para este mundo, porém agora faz parte de outro mundo, um mundo sobrenatural, cujos habitantes são de diversas espécies: zumbis como ela (mas não como os zumbis que conhecemos em filmes e séries), vampiros, lobisomens, entre outros seres que coexistem com as “pessoas normais”, porém disfarçadamente. Com a ajuda de Lucas, Lorena precisa encontrar o anjo da morte que a ceifou, para poder fazer sua passagem definitiva para o mais-além. Porém, ela não pode simplesmente circular por aí, pois o mundo sobrenatural no qual ela ingressou de forma tão abrupta tem regras. E Lucas é quem a deixa a par destas regras.  


Enquanto vai se inteirando de como este novo mundo do qual agora faz parte funciona, conhece outros seres sobrenaturais que logo se tornam seus amigos, indo morar com vários deles em uma espécie de “república” – na verdade, a casa de um médium, que auxilia desmortos a realizarem sua passagem para o “mais-além”, ou seja, para a despedida definitiva do mundo humano.  


Neste processo de aceitação de sua nova realidade, Lorena e seus novos amigos passam por diferentes situações, aprendendo uns com os outros a lidar com questões emocionais enquanto precisam fugir de situações perigosas, que podem condená-los neste mundo e nos outros. 


Mary tece uma narrativa que transita de forma eficiente entre o dramático e o leve, com porções bem dosadas de humor nos momentos certos, inclusive nos títulos dos capítulos. A trama se desenrola de tal forma que só tiramos os olhos do livro quando a história chega a seu final... E se você for sensível, prepare seus lencinhos. As cenas finais prometem emocionar, admito sem pudor que já reli o livro várias vezes e choro em todas elas quando o capítulo final chega. Final este que, na verdade, é o de uma fase, pois após este desenlace a autora nos brinda com mais alguns capítulos contando outras histórias, pelo ponto de vista de outros personagens.

Chama bastante  atenção como a autora aborda questões típicas da transição da adolescência para a vida adulta (lidar com sentimentos controversos, adquirir responsabilidade pelos seus atos, entre outros) através das atitudes dos personagens sobrenaturais neste livro.  Talvez seja um dos motivos para a obra ter tanto sucesso no Wattpad,e  de Mary fazer sucesso com suas obras, que muitas vezes falam sobre as dores emocionais de crescer. 


A experiência de ler no Wattpad é legal, pois há músicas em vários capítulos e também ilustrações feitas pela autora, transformando a leitura em uma experiência ampliada. 
Adorei ler a obra e recomendo que leiam também! Se já tiverem lido - ou quem for ler - deixe aqui nos comentários o que acharam!

 Onde encontrar Desmortos:


Para saber mais: 

Entrevista de Mary C. Müller para  a revista Trasgo

Tumbrl da autora





Comentários

  1. Bom dia, querida amiga Mari!
    Eu também gosto de ficar invisível e sempre me transporto para onde meu 💙 deseja estar... me faz feliz...
    Interessante deve ser o livro...
    Seja muito feliz e abençoada junto aos seus amados!
    Bjm carinhoso e fraterno de paz e bem
    🌷🌹🌺🌼🌻🌸💐🏵🙏

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada! Que sua semana seja abençoada também!

      Excluir
  2. Boa tarde Mari,
    Um livro interessante e bem incomum!
    Eu sinto um friozinho no estômago só de imaginar, mas gostei de saber da sua existência reveladora da imaginação bem criativa da autora.
    Beijinhos e boa semana.
    Ailime

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A autora é bem criativa mesmo, o mundo de seres sobrenaturais que foi criado é bem interessante.
      Boa semana!

      Excluir
  3. Parece uma ótima leitura,vou procurar e ler.
    Gosto da invisibilidade.
    Beijos,Mari.

    ResponderExcluir
  4. É uma leitura bem interessante e do tipo que gosto de ler!
    Beijos carinhosos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostas! Quando conseguires ler o livro, volte e diga o que achou, vai ser interessante.
      Beijos e boa semana!

      Excluir
  5. Gostei do desafio proposto lá e da tua resenha.Livro deve ser bem interessante e bom de ler! bjs praianos,chica

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Devaneie você também!

Postagens mais visitadas deste blog

Resenha: Marcelo, Marmelo, Martelo e outras histórias, de Ruth Rocha

O exemplar que tenho em casa, velhinho mas em bom estado Livro : Marcelo, Marmelo, Martelo e Outras Histórias Autora : Ruth Rocha Ilustrador : Adalberto Cornavaca Edição : 33ª Ano : 1976 Editora Salamandra Ruth Rocha é uma das minhas autoras preferidas, pela sua capacidade de criar histórias infantis que levam à reflexão e de tocar em temas dito espinhosos.  Já falei sobre este assunto em uma resenha de outro livro, O Que Os Olhos Não Vêem , aqui mesmo neste blog. Para quem não está associando o nome à pessoa, ela é autora também de O Reizinho Mandão , Dois idiotas sentados cada qual no seu barril , Sapo Vira Rei Vira Sapo,   entre outros. Neste livro, Ruth Rocha conta três histórias, protagonizadas por crianças que vivem no espaço urbano. São situações do cotidiano,que estas crianças resolvem a seu modo, aprendendo e crescendo com os desafios a elas impostos.    -------------------------------- E m Marcelo, Marmelo, Martelo, história que dá título

1 Imagem, 140 Caracteres #441

 Uma semana se passou e ainda há reflexos da Páscoa no ar...  Tudo bem aí com vocês? Espero que sim! Preparei a postagem mas a internet me passou a perna e agora que dei a volta nela (ahhaha) aqui estamos de novo!  Como já está tarde, arrumei o texto para ficar mais enxuto. Vamos para nossa imagem da semana? Imagem obtida no site Carta Capital Descrição: a imagem mostra um casal de idosos, de costas, caminhando sobre uma passarela de cimento em uma área arborizada . À esquerda vê-se parte de um banco. O homem veste uma camisa azul clara e calças jeans e está de mãos dadas com a mulher, que usa saia marrom e uma blusa de frio branca e meias brancas e longas.  Ambos tem cabelos brancos e curtos.  .................................................................................................. A praça mudou, a cidade ao redor também. Mas você continua aqui ao meu lado. Isso é o que importa no final das contas.  .............................................................................

1 Imagem, 140 Caracteres # 443

Boa noite!!! Passei a semana gripada, o que significa que olhar para uma tela de computador era bem complicado. Tanto que tenho até trabalho atrasado por conta disso. Mas enfim, vamos ao que interessa: a sexta-feira está quase acabando e ainda dá tempo para a nossa blogagem semanal acontecer!  Então, vamos lá? Imagem extraída do DepositPhotos Descrição: um menino branco, de costas.Ele cabelos curtos e loiros. Está usando uma camiseta azul, uma bermuda preta e calçando tênis. Ele está sentado em um ambiente escuro observando um grande  aquário com peixes ornamentais grandes, cor-de-rosa fraco. Me perdi da minha turma... Melhor esperar aqui. Enquanto isso, me acalmo com a sensação de estar no fundo do mar! Bom final de semana!