Pular para o conteúdo principal

1 Imagem, 140 Caracteres # 19






Me isolo,mas não é arrogância.É meu jeito de lidar com os problemas:me fechando em um casulo, esperando o tempo certo para me expor.

Comentários

  1. Uma introspecção saudável em direção à superação dos obstáculos do viver.
    bjs

    ResponderExcluir
  2. Particulares visões promovem gestos, gostos e sensações que precisam se traduzir.

    Bela interpretação, Mari.
    Bjos,
    Calu

    ResponderExcluir
  3. Há o momento do casulo, há o momento do voo da borboleta. Um abraço!

    ResponderExcluir
  4. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Perdoe-me, querida Mari... troquei os nomes mas ainda bem que foi por uma ótima amiga, como VC... fique tranquila!!!
      Bjm festivo de paz e bem

      Excluir
    2. Sem estress... tem dois blogs com nomes semelhantes, e como estamos comentando a BC em vários, isso acontece.
      Bom restinho de domingo!

      Excluir
  5. Sou desse jeito também! Não gosto de levar meus problemas para os outros não. Prefiro resolver sozinha!
    Amei!!!
    Beijos
    Adriana

    ResponderExcluir
  6. A solidão,ás vezes, é a melhor conselheira!Linda sua participação!bjs,

    ResponderExcluir
  7. Oi Mari!
    Bem observado: sempre há o tempo certo para sair do casulo...mas ficar além do tempo certo é perigoso...

    Abração
    Jan

    ResponderExcluir
  8. Oi Mari
    Ótima interpretação da imagem. Não creio que seja o seu caso, vc não parece ser daquelas que se isolam, apesar de nos conhecermos só virtualmente. Foi uma ótima participação na BC, como sempre!
    Bjos.

    ResponderExcluir
  9. As vezes é necessário estar nessa redoma de silêncio para clarear os pensamentos, pesar decisões para nao dar com os burros n'agua.
    bjkas doces e boa semana.

    ResponderExcluir
  10. Olá, querida Mari
    Vim olhar a confusão que fiz e tornar a comentar que me vi identificada em sua postagem... sou um pouco assim também...
    Vejo como questão de temperamento... Gosto de ser introspectiva... em alguns momentos efusiva... para variar e aquecer o coração...
    Vale a pena ser solitária para um bem maior...
    Gostei do "sem stress"... obrigada pela compreensão, amiga...
    Seja muito abençoada e feliz!!!
    Bjm de paz e bem
    P.S. Fundo musical lindíssimo... to muito feliz e o mesmo lhe desejo...

    ResponderExcluir
  11. Oi flor!

    Quando o problema é mais forte, esses momentos são necessários.

    Beijos!

    Selma

    ResponderExcluir
  12. Mari, este seu texto pode ser interpretado de várias formas e isto para mim é a evidência de um escritor de verdade. Ele passa a sua mensagem, mas não como uma imposição ao leitor, deixando livre diversas interpretações.
    A minha interpretação de sua frase ficou bem diferente das demais, para mim a introspecção é um dom de poucos, principalmente com o Facebook bombando (antes era o Orkut) e convidando pessoas a tamanha exposição onde perdem totalmente o senso. E isto vejo ocorrer até mesmo na blogosfera. Há momentos que eu acho que deveria ser até mais introspectivo do que sou, porém, escrever é um modo de exposição, apenas precisamos exercitar as entrelinhas, pois é muito mais propício para evitarmos aborrecimentos futuros e pessoas se acharem no direito (que acabamos dando a elas) de invadir nossa privacidade.
    Eu aconselharia sua personagem a tentar se expor o mínimo e permanecer fechada em seu casulo a maior parte do tempo, porque pessoas costumam levar tudo para um lado desvirtuado apenas para causar ou querem mesmo derrubar as outras. É preciso muita cautela em quem confiar. Por aqui, raramente me arrisco.
    Abraço e boa semana.

    ResponderExcluir
  13. Tão eu... é bem assim que sou, muitas das vezes, raras vezes me exponho como estou naquele momento.
    beijos e boa semana pra vc, ando sumida, mas sempre que dá passo aqui... rsrsrs... Bj Bj

    http://www.artesdosanjos.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Olá!!!, Deus te abençoe, amiga temos que pensar o que fazer é melhor calar, o seu blog é maravilhoso continue assim, S-U-C-E-S-S-O
    Já estou te seguindo, aguardo a retribuição.
    Canal de youtube: http://www.youtube.com/NekitaReis
    Fanpage: https://www.facebook.com/pages/Batom-Vermelho/490453494347852?ref=ts&fref=ts
    Blog: http://arrasandonobatomvermelho.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  15. As vezes, nem sempre e nem constantemente, se isolar é vital. Amei sua participação!!!

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Devaneie você também!

Postagens mais visitadas deste blog

Resenha: Marcelo, Marmelo, Martelo e outras histórias, de Ruth Rocha

O exemplar que tenho em casa, velhinho mas em bom estado Livro : Marcelo, Marmelo, Martelo e Outras Histórias Autora : Ruth Rocha Ilustrador : Adalberto Cornavaca Edição : 33ª Ano : 1976 Editora Salamandra Ruth Rocha é uma das minhas autoras preferidas, pela sua capacidade de criar histórias infantis que levam à reflexão e de tocar em temas dito espinhosos.  Já falei sobre este assunto em uma resenha de outro livro, O Que Os Olhos Não Vêem , aqui mesmo neste blog. Para quem não está associando o nome à pessoa, ela é autora também de O Reizinho Mandão , Dois idiotas sentados cada qual no seu barril , Sapo Vira Rei Vira Sapo,   entre outros. Neste livro, Ruth Rocha conta três histórias, protagonizadas por crianças que vivem no espaço urbano. São situações do cotidiano,que estas crianças resolvem a seu modo, aprendendo e crescendo com os desafios a elas impostos.    -------------------------------- E m Marcelo, Marmelo, Martelo, história que dá título

1 Imagem, 140 Caracteres #441

 Uma semana se passou e ainda há reflexos da Páscoa no ar...  Tudo bem aí com vocês? Espero que sim! Preparei a postagem mas a internet me passou a perna e agora que dei a volta nela (ahhaha) aqui estamos de novo!  Como já está tarde, arrumei o texto para ficar mais enxuto. Vamos para nossa imagem da semana? Imagem obtida no site Carta Capital Descrição: a imagem mostra um casal de idosos, de costas, caminhando sobre uma passarela de cimento em uma área arborizada . À esquerda vê-se parte de um banco. O homem veste uma camisa azul clara e calças jeans e está de mãos dadas com a mulher, que usa saia marrom e uma blusa de frio branca e meias brancas e longas.  Ambos tem cabelos brancos e curtos.  .................................................................................................. A praça mudou, a cidade ao redor também. Mas você continua aqui ao meu lado. Isso é o que importa no final das contas.  .............................................................................

1 Imagem, 140 Caracteres # 443

Boa noite!!! Passei a semana gripada, o que significa que olhar para uma tela de computador era bem complicado. Tanto que tenho até trabalho atrasado por conta disso. Mas enfim, vamos ao que interessa: a sexta-feira está quase acabando e ainda dá tempo para a nossa blogagem semanal acontecer!  Então, vamos lá? Imagem extraída do DepositPhotos Descrição: um menino branco, de costas.Ele cabelos curtos e loiros. Está usando uma camiseta azul, uma bermuda preta e calçando tênis. Ele está sentado em um ambiente escuro observando um grande  aquário com peixes ornamentais grandes, cor-de-rosa fraco. Me perdi da minha turma... Melhor esperar aqui. Enquanto isso, me acalmo com a sensação de estar no fundo do mar! Bom final de semana!