Pesquisar este blog

17 de fev. de 2024

1 Imagem, 140 Caracteres #533

 Boa noite de sexta-feira! 

Tudo bem com vocês? 

Uma semana que passou tão rápido! 

A chuva deu o ar da graça depois de tantos dias abafados, aliviando a primeira semana de aula por aqui! 

Como retomamos a rotina, essa semana foi de chegar em casa cansada, ahaha. Mas todo mundo aqui inteiro. 

Vamos à imagem desta semana?



#paratodosverem: um pedaço de vidro quebrado, possivelmente de uma janela. O espaço quebrado lembra uma forma circular, porém irregular. Há bordas com pontas afiadas. É possível ver o céu azul e nuvens ao fundo. 



Vendo o mundo em parte, sabendo do inteiro. Vendo através de algo velado mesmo sabendo como é o verdadeiro Por que? 




Até mais!!!



11 de fev. de 2024

1 Imagem, 140 Caracteres #532

 Boa noite, povo! 

Passei dois dias com dor de cabeça, daquelas que de pensar em olhar para uma tela deixa a gente enjoada. Estou nesse tira-óculos-põe-óculos: quando a cabeça dói até esse, que deveria ajudar, incomoda. 

Mas agora que melhorei um pouco (ontem cheguei a publicar no Twitter que a postagem sairia ainda ontem mas não aguentei de cansaço e peguei no sono), não quero deixar o final de semana passar sem a nossa blogagem coletiva! 

Vamos à imagem desta edição?


Imagem obtida no site da Wickbold

#paratodosverem: imagem de uma máscara de carnaval, que cobre apenas os olhos,na cor vermelha decorada com apliques dourados. Também há vários confetes coloridos espalhados pelo chão de madeira, além de uma serpentina nas cores azul, vermelha e verde. 


Alegria, cores para todo o lado, músicas animadas. 

Com responsabilidade e cuidados a festa pode ser boa para todos! 



Até logo e boa semana! 

2 de fev. de 2024

1 Imagem, 140 Caracteres #531

 Bom dia, pessoal! 

Olha quem chegou, a sexta-feira! Fevereiro no comecinho e aqui estamos. 

Espero que vocês estejam passando uma boa semana! 

Estamos iniciando um novo ano letivo, o que causa expectativa e ansiedade tanto nos estudantes quanto nos professores e familiares. Principalmente em quem tem crianças pequenas em casa! Pensando nisso, segue a imagem escolhida para esta edição da nossa #1Imagem140Caracteres:




#paratodosverem: imagem mostra uma pessoa adulta, de costas, sendo vista apenas dos ombros para baixo. A pessoa está vestindo uma camisa azul celeste com mangas até os cotovelos e uma calça marrom clara. A pessoa está dando a mão para uma criança à sua esquerda, também de costas, usando uma camiseta branca. É possível ver parte da calça, também num tom claro. A criança está usando também uma mochila azul e verde. Ela tem cabelos cacheados e loiros na altura dos ombros. As duas pessoas estão diante de uma porta de madeira, fechada. 



Primeiro dia de aula. Atrás desta porta, um mundo de novidades aguardando. 

Quem irá abrir primeiro?


Até a próxima!!!



29 de jan. de 2024

Resenha: O Monstro Na Pele - Uma historinha do Monstro, por Fábio Coala

 Livro: O Monstro na Pele - Uma historinha do Monstro

Autor e ilustrador:  Fábio "Coala" Cavalcanti

40 páginas

Publicado através da plataforma Catarse 


Imagem: Dudu, uma criança de pele negra, com cabelo semicomprido amarrado com uma faixa amarela. Ele usa uma roupa azul e branca. Está sério, olhando para o Monstro e apoiado nele. O Monstro é alto, roxo, possui um nariz arredondado e rosa, um olho azul e outro verde, duas asas bem pequenas e três estruturas ao alto de sua cabeça, semelhante a cristas. É possível ver um pedaço de seu rabo. O monstro está com as duas mãos no rosto, falando com Dudu. 



O Monstro  é uma das personagens recorrentes e mais famosas nas tirinhas de Fábio Coala, em seu blog, Mentirinhas. 


Imagem: Dudu, de costas, olhando para a casa de um de seus amigos monstros, que se assemelha a um castelo. 


Segundo o autor:

"O Monstro, pra quem ainda não o conhece, é um bichinho de pelúcia que tem o 'poder' de acalentar corações feridos. Suas histórias se passam em tempos e lugares diferentes, assim como sua forma e abordagem. Mas, basicamente, o Monstro é o amigo que chega quando mais necessitamos, nos diz o que precisamos ouvir ou, simplesmente, enxuga nossas lágrimas e nos ajuda a seguir em frente."



O Monstro Na Pele é uma pequena história direcionada para o público infantil, com suas ilustrações coloridas e uma lição facilmente compreensível sobre empatia. 

A história mostra Dudu, um menino mais ou menos comum que mora na Ilha dos Monstros, um lugar mágico. Dudu está chateado, pois seus amigos monstros recusaram-se a brincar com ele. Ao desabafar com o Monstro, um diálogo compreensivo se segue, levando Dudu a refletir sobre como os outros monstros amigos dele estão se sentindo. 



Imagem: Dudu conversando com Lális, uma monstrinha azul com um detalhe em forma de círculo no topod e sua cabeça. Lális tem olhos roxos, um pequeno nariz em forma de coração, orelhas longas e abaixadas e está sorrindo. Ela veste uma blusa amarela de manga longa. 


A história segue com a delicadeza e ternura presente nos quadrinhos que tornaram o Monstro famoso. As ilustrações são primorosas, bem coloridas (que é importante para crianças), conseguindo transmitir as emoções das personagens. Para quem já conhece e acompanha Fábio Coala e o Mentirinhas, no quarto de uma das monstrinhas é possível ver versões em pôsteres e pelúcias de algumas personagens presentes em outras tirinhas que não as do Monstro.

O Monstro Na Pele tem como foco o público infantil, porém é claro que pode ser lido por todas as idades. 

A linguagem é simples e acessível tanto para as crianças mais novas, ainda iniciando a alfabetização (através de leitura por parte de um adulto) tanto para as crianças que já leem sozinhas.

Com certeza levarei à escola onde trabalho para a hora da contação de histórias! 


Desenho do Fábio Coala no verso da capa do exemplar do livro que tenho em casa.

Imagem:desenho do rosto de um coala feito com caneta esferográfica preta,da forma que o autor Fábio Coala se  retrata em seu site.

26 de jan. de 2024

1 Imagem, 140 Caracteres #530

Bom dia e boa sexta-feira a todos! 

Voltando à rotina de estudos e logo ao trabalho. Espero que estejam bem! 

Uma semana um pouco mais amena por aqui e bastante trabalho para preparar  o que será preciso na semana que vem. Vamos que vamos! 

E agora, aqui, neste estimado blog, vamos ao que vocês estão aguardando, a imagem da semana! 


Imagem obtida no site de Ricardo Kaempf

#paratodosverem: a imagem mostra, em um fundo azul, duas mãos de pessoa branca, com cada um dos dez dedos manipulando um fio, fazendo alusão a algum marionetista.


Mãos que manipulam, ou são manipuladas?

Os dois ao mesmo tempo, provavelmente. 

Doce ilusão de poder em ambas pontas dos fios.


Tenham um ótimo final de semana!



19 de jan. de 2024

1 Imagem, 140 Caracteres #529

 Bom dia!!!

Tudo bem com vocês? 

E chega mais uma sexta-feira, e aqui seguimos com a nossa tradicional postagem neste dia da semana. 

Voltando aos poucos à rotina e janeiro avançando nesses dias quentes e chuvosos. O sol deu uma espiadinha agora nessa manhã e no momento estou escrevendo perto da janela, sentindo a brisa. 

A imagem escolhida para hoje faz referência ao clima deste verão, de verões passados, enfim.. 


Imagem obtida no portal Terra

#paratodosverem: imagem que mostra uma nuvem enorme, prenunciando tempestade, sobre uma cidade vista ao longe. À frente das construções quase indistinguíveis, vê-se uma grande área verde a qual a nuvem ainda não cobriu. 


A natureza fascina e assusta
A chuva alimenta e destrói
A paisagem muda em segundos
Necessidade se constrói
Devo correr para um abrigo?



Bom final de semana para vocês e até a próxima! 


12 de jan. de 2024

1 Imagem, 140 Caracteres #528

 Bom dia de sexta-feira para vocês! 

Seguimos aqui no mês de janeiro e ainda em férias por enquanto. A postagem de hoje foi programada, então nesse momento pode ser que eu esteja dormindo, limpando a horta, cortando a grama ou até mesmo passeando por aí, dependendo da hora em que vocês acessarem esta postagem. 

Espero que estejam bem e tenham passado uma boa semana! 

Vamos à nossa imagem de hoje? 


Imagem obtida no Medium

#paratodosverem: imagem mostrando um pequeno vaso quebrado em vários pedaços, espalhados por uma superfície perto de um vidro assemelhado a uma janela. A superfície onde está o copo encontra-se empoeirada, demonstrando o que pode ser um local abandonado. 


Quando será que esse vasinho se partiu?Quantas histórias já iniciaram e terminaram aqui nessa casa? E a quanto tempo está sem histórias? 


Bom final de semana, gente!



1 Imagem, 140 Caracteres #533

 Boa noite de sexta-feira!  Tudo bem com vocês?  Uma semana que passou tão rápido!  A chuva deu o ar da graça depois de tantos dias abafados...