Pesquisar este blog

29 de out. de 2011

O Alto da Montanha - A decisão final


Estou entre a necessidade de realizar um sonho e a vontade de voltar à segurança do conhecido. 
Sempre quis conhecer o mundo, sempre achei que a cidade em que vivia não tinha muito a me oferecer. 
Agora, machucada pela vida, conhecendo o bem e o mal, a satisfação e o desespero, o silêncio e o tédio....continuo sofrendo o tédio das noites vazias, na vida que escolhi.... ou volto para casa, para lembrar o que me motivou a sair de lá? 
Voltar para algo do qual fugi... não parece ter sentido, ou sei lá, talvez tenha todo sentido do mundo. 

27 de out. de 2011

O Alto da Montanha: A realidade.

Veja o início da história



..Desci do ônibus e me deparei com as luzes da cidade.
O movimento intenso, totalmente o oposto do que costumava conhecer, o barulho ensurdecedor dos veículos, das pessoas indo e vindo com conversas indecifráveis.
E o mar... Ah, o mar! Era tão imenso, muito mais do que imaginava.
Caminhando pelas ruas hoje, sentindo um oco no estomâgo e sem me preocupar em correr qualquer perigo, lembrei-me de quando parti e pensei ser a última vez que contemplaria as montanhas ao longe e... certamente era.
Se conquistei o mundo? Bem, conquistei experiência, vivi situações diferentes... mas não posso dizer que conquistei o que queria.

26 de out. de 2011

Acreditar....

Acreditar na vida
Acreditar no futuro
Acreditar quando ninguém mais acredita
Acreditar no amor
Acreditar na bondade.. 
Acreditar na honestidade.

24 de out. de 2011

Cansaço

Cansaço no corpo
Cansaço na mente
Cansaço na alma
Cansaço  persistente

Bocejos irrompem, repentinamente
Cansaço do tempo
Do mundo
Da vida
De toda gente. 

Uma noite de sono nem sempre basta
Para tirar o cansaço do peito, do corpo, da mente
Nem para mudar
Completamente

Mas espero,
da mesma forma 
O dia de amanhã..... 





20 de out. de 2011

Desafio.

 Recebi a indicação deste desafio pelo Christian, do blog Escritos Lisérgicos.

O Desafio consiste em:

1) Publicar o selo e o blog de quem indicou o desafio: Ok, já está aí em cima.
2) Responder ao questionário: (respirando fundo... lá vai):

18 de out. de 2011

Dia do Professor

Sábado foi dia do professor. E noto duas correntes, a cada vez que se comemora esta data: Uma que ressalta os pontos negativos, a realidade cruel da violência nas escolas, desrespeito, falta de reconhecimento, problemas de estruturas, enfim.. retratando o professor como coitadinho, sofredor, pobre ser cansado, vivendo com um salário de fome e que só continua por muito amor ou falta de perspectivas.
Outra corrente é a que exalta, quase endeusa a figura do professor, comparando sua missão com sacerdócio, o guerreiro que luta para melhorar o futuro do país, o profissional abnegado que não se importa em varar noites e fins de semana procurando novas estratégias de ensino, que transforma as turmas para as quais leciona, ou seja, quase um super herói.

15 de out. de 2011

Só um pequeno esclarecimento (de novo!)

Não, não estou sucumbindo à chatice.
Só para avisar que, devido a alguns pedidos, vou esticar o prazo para postar o final do conto O Alto da Montanha. Estou lendo o que já recebi com calma para o conto ficar,como dizem, "redondinho"...

Também tenho outra postagem para publicar, mas estou meio sem tempo nesse sábado, então, até mais!
Abraços.

12 de out. de 2011

Este post aparenta ser politicamente incorreto. Não leia.


Calma, carinha, não é nada contigo não! 


Chamar alguém de negro é ofensivo. O correto é afrodescendente. 
Sugerir que alguém engordou, também é ofensivo. O correto é acima do peso ideal. 
Dizer que alguém é baixinho,  também não dá. O correto é sujeito de baixa estatura. 
Ah, e feio! Nem pensar, feio é xingamento. A pessoa não tem a beleza considerada padrão.

8 de out. de 2011

Os Cegos do Castelo

Eu não quero mais mentir
Usar espinhos
Que só causam dor
Eu não enxergo mais o inferno
Que me atraiu
Dos cegos do castelo
Me despeço e vou
A pé até encontrar
Um caminho, um lugar
Pro que eu sou...

Pequenos esclarecimentos 2: a volta de quem não foi. (rs)

Fiquei uns dias sem entrar no blog, pois estava me dedicando a divulgar e ajeitar os detalhes do Oratório Festivo, que acontecerá no próximo domingo, dia 16. (E também por conta de uma dor de cabeça enorme que tomou-me dois dias, arghhhhhhhhhhh!) 

Nesta próxima semana, estarei postando a continuação e final d'O Alto da Montanha. Se mais alguém quiser contribuir com o conto, contate.

Voltamos agora  à programação normal.

5 de out. de 2011

Silêncio





Estende-se sobre mim quando menos espero
Cala meus gestos, minhas ações
Desce pesadamente 
E narcotiza-me
Até quase o pensamento parar. 
Nada para dizer agora
Nada para fazer agora
Não ouço nenhum som
Não ouso quebrar o momento
Parece durar tanto
E às vezes parece pouco.
Desejável?
Às vezes.
Execrável?
Talvez
Temo, e ao mesmo tempo espero
Por este pouco de 
Silêncio.

1 de out. de 2011

Pequenos esclarecimentos....

Um post curto,apenas para esclarecer um pouco sobre o conto " O Alto da Montanha". 
A finalização do conto, em conjunto, vai ocorrer da seguinte forma: 
Lerei com calma e carinho as eventuais participações, e juntarei as ideias, utilizando um fio condutor que finalize o conto de forma coerente, claro. 
Quando publicar o final, também publicarei os nomes de quem contribuiu, e no caso de ter participação de outros escritores que possuem blogs, linkarei os blogs dos mesmos. 
Quaisquer outras dúvidas, podem deixar nos comentários e no e-mail
Abraços e bom final de semana!

1 Imagem, 140 Caracteres # 480

 Boa noite! Tudo bem com vocês? Espero que sim!!! Depois de voltar ao trabalho com alguns dias de formação, aqui estamos!  Sexta-feira chego...